Artigos

Carlos Alberto Bencke e Rodrigo Ribeiro Sirangelo

Publicado em 14/06/16

Sucessão no agronegócio: o planejamento é vital.

Não são raros os exemplos de empresas do agronegócio que, em uma ou duas gerações, são férteis e pujantes, mas que, numa terceira ou quarta geração, se desestruturam por diversos fatores e acabam quebrando ou fechando, em muitos casos com intermináveis conflitos familiares.

A falta de planejamento sucessório, o desinteresse de alguns sócios ou seus descendentes, o tratamento desigual a familiares e outros gestores, são algumas das causas dos conflitos e da falta de perpetuidade do negócio.

Os problemas da empresa, as combinações entre os sócios, enfim, tudo o que disser respeito ao negócio, precisa ser abordado e enfrentado com clareza entre os membros da família. O que irá acontecer em caso de falecimento de um dos sócios? Aquele descendente que irá trabalhar no negócio será remunerado por isso? Aquele melhor qualificado, por exemplo, com cursos voltados ao negócio, receberá mais do que o outro sócio menos qualificado? Tudo precisa estar definido e com extrema clareza.

Os problemas da empresa precisam ser identificados, as funções, os direitos e as obrigações de cada sócio precisam estar bem definidos. Há necessidade de franca discussão sobre as questões familiares que podem repercutir na empresa, em muitos casos sendo aconselhável a criação de um conselho familiar para desenvolvimento desses debates.

O ideal, mesmo, é que essas medidas sejam adotadas preventivamente, desde o início ou no curso das atividades da empresa, mas antes que os conflitos aconteçam. Se os conflitos vierem antes, claro que há medidas para solucioná-los visando à perpetuidade do negócio. Uma gestão profissional, atenta às nuances do mercado, pode ser uma saída e servir de ligação e de complementação entre uma administração ortodoxa e um novo modelo voltado para o futuro.

Enfim, se a preparação da sucessão empresarial é medida importante para o futuro e para a perenidade das empresas em geral, no agronegócio, onde as sociedades familiares são ainda mais predominantes, as providências ora referidas são ainda mais vitais.

Boletim informativo

Cadastre-se e receba por e-mail avisos, artigos e notícias do escritório Bencke & Sirangelo.
Feed de notícias
RSS
Bencke & Sirangelo Advocacia e Consultoria (OABRS 2.380)
contato@benckesirangelo.com.br - facebook.com/benckesirangelo
PORTO ALEGRE
Avenida Borges de Medeiros, 2233, conj. 1202
Bairro Praia de Belas - CEP 90110-910
Fone/Fax: (51) 3072.3303                                                                    

> Mapa de localização
© Copyright 2019 Bencke & Sirangelo Advocacia e Consultoria    |    Desenvolvido por Desize